Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

!i!i Francisco Fiúza o Blog i!i!

Um blog sobre... o que me vai na alma, ou então não!!

Opinião: Tradição

Francisco Fiúza, 01.12.18

Significado de Tradição

substantivo feminino

Costume transmitido de geração a geração ou aquilo que se faz por hábito; costume: as tradições de uma região.
Herança cultural, legado passado de uma geração para outra: não concordava com tradições que violavam os direitos dos animais.
Transmissão oral de doutrinas, de lendas, de costumes etc., durante longo espaço de tempo, de geração para geração.
Religião.Transmissão oral, às vezes registrada por escrito, dos fatos ou das doutrinas religiosas.
[Jurídico] Entrega material de um bem móvel, objeto de uma transferência de propriedade.
Ação ou efeito de transmitir, de fazer a transferência entre uma coisa e outra.

in: Dicio.com.br

Por gcardinal from Norway - Crash, CC BY 2.0, https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=8811961

 

Comecei o meu post de hoje com o significado de tradição, isto para refletirmos sobre a relação entre a nossa tradição e as touradas. De facto as touradas são uma tradição do nosso povo, pois existe este custume já há varias gerações, os primeiros registos da lide tauromatquica remontam ao século XII na nossa Peninsula Ibérica e sul de França, mas também existe indicios nos antigos impérios Grego e Romano, este ritual tem a haver com as noções de força, bravura, poder, fecundidade e vida, que simbolizam o sentido ritual e sagrado que o touro ibérico teve na Península.

Será que em pleno século XXI, com as nossas mudanças de mentalidade em relação aos outros seres que habitam no nosso planeta, a sua proteção, terá sentido tal tradição a chacinar animais só por pura diversão. Como eu relatei à pouco, esta tradição vem dos imperios Gregos e Romanos, como outra tradição desses impérios que acabou foi a dos Gladiadores, que acabou pelo menos como eram conhecidas naquela altura, penso eu que possa ter evoluido para as lutas livres, boxe, esgrima, a luta greco-romana lá está, mas evoluiu para algo mais simpático...

Por outro lado, à quem afirme que sem as touradaso touro deixe de existir, entre em processo de extinção, será? o touro não é mais que um boi bravo utilizado para estes espectaculos, ou seja, se não foram "fabrico" humano, não entram em extinção. Será que os fazendeiros só utilizam bois para dois fins a pocriação e a tourada?
Isto fez-me lembrar outro assunto que falarei aqui um dia destes que é a caça como desporto!

Bem, já chega de rodeios, eu não gosto de touradas, não vou ver, não acho um espectaculo digno para a humanidade.

Por mim se ouvesse um referendo sobre a abolição das touradas, eu abolia as touradas esta discussão sobre o iva a 6% ou a 23% não faz sentido, porque nem deviam existir, deveria ser proibido espectaculos que obriguem animais ao sacrificio.

Opinião: Era artificial...

Francisco Fiúza, 09.11.18

92935560_robot976-620x371.jpg

 

Hoje a televisão chinesa testou um primeiro pivot para as notícias do canal, isto fez me pensar que se daqui a uns anos substituirem os humanos por maquinas e nós ficamos só a "vegetar" , qual irá ser a nossa ocupação, como é que nós geramos dividendos para nos mantermos? Os nossos governos irão propor um rendimento minimo garantido à população, se sim como esse dinheiro será gerádo? 

E ainda temos outra questão, será que a inteligencia artificial será autosuficiente que consiga nos substituir, e assim sendo nos, porque não... escravisar... será?

As maquinas foram feitas para nos ajudar em determinadas tarefas, mas parece que nos estão a substituir, temos que refletir para onde levará esta evolução informática.

Espero que não nos perquemos no caminho...

Opinião: Fim da prospeção de petróleo na nossa costa

Francisco Fiúza, 29.10.18

Untitled-1.jpg

 

Hoje na imprensa nacional veio um artigo a dar conta da desistência do consórcio ENI/Galp para a prospecção de petróleo na nossa costa (Concelhos de Aljezur e Odemira).

Por fim de tanta luta, uma boa notícia para o nosso planeta, vencemos mais uma etapa, mas desconfio que não a guerra, pois o capitalismo desmesurado ainda fala mais alto, está nas nossas mão de todos e de cada um fazer escolhas sustentadas, e não irem por tendências que nos prejudiquem a todos.

Esta prospecção, hoje em dia não faz sentido, pois, em termos energéticos temos muitas outras fontes onde ir buscar energia não prejudicando o planeta como sendo as energias solar eólica e maremotriz, entre outras. Como substituição de derivados do petróleo como o plástico, temos já materiais que os nossos antepassados usavam e nós podemos voltar a reinventários, estou me a lembrar por exemplo a cortiça que neste momento já se faz uma grande panóplia de produtos com este material nobre. Entre muitas novas opções que surgirão!

 

Opinião: Quase que um acidente

Francisco Fiúza, 13.10.18


nissan-tsuru-crash-test.jpg

 

Esta ainda não contei:
Então no meu regresso a casa depois de um dia duro e produtivo de trabalho, deparei-me com um carro a minha frente a andar para ai a uns 50 a hora mas a abrandar porque queria mudar de direcção para a esquerda , para poder entra numa herdade...
 Não é que por traz de mim atravessa-se um mercedes a querer ultrapassar-me porque devia ter a panela das sopas ao lume e poderia queimar, tal era a pressa. Eu ao aperceber-me de tal situação apitei e o carro que ia lento teve tempo para se encostar à direita, e evitar a tragedia, o Mercedes ai travou a fundo pois deve se ter apercebido da burrada, mas depois continuou na sua demanda, qual Speedy Gonzalez.

 

Pergunto eu será que ninguem tem tempo neste mundo... ainda ontem ouve mais um choque frontal com gente conhecida aqui da terra, pá, vivam, deixem-se do aqui e agora, e desfrutem da vida que ela é bela, e nós não pedimos para ca vir por isso trabalhem, descansem, divertam-se mas deixem-se de stresses parvos que não servem para nada 

Opinião: Ponte metálica de Odemira vai ser remodelada

Francisco Fiúza, 09.05.10

 

Segundo o jornal online Barlavento, foi publicado em Diário da Republica no dia 30 de Abril o concurso publico da obra da responsabilidade das Estradas de Portugal, prevendo 48 dias para apresentações de propostas. Neste pacote estão patentes a reabilitação e reforço da obra de arte, tais como o alargamento do passadiço metálico, entre outros melhoramentos estruturais. O começo da empreitada está prevista para este ano por um período de 8 meses, havendo necessidade de corte de via, está também contemplada no projecto uma ponte militar e uma rotunda na zona das Barreiras Vermelhas.

Para mim esta obra era necessária, isto porque neste momento existe pouco espaço no tabuleiro para o transito fluir, e também não permite o cruzamento 2 veículos pesados, como do lado direito do rio o troço de estrada termina em curva e de fraca visibilidade para o lado oposto da ponto. Já vi casos de se ter que fazer marcha a trás com complicação para o transito de ambos os lados por causa da formação de fila.

Assim, um bem haja a esta noticia para a vila de Odemira.